Notícias
  09/04/2015 às 14h56

Nova coletânea “Perfil”


Nova coletânea “Perfil”

Como de costume, Victor e Leo chegam ao final do ano com novidade no mercado. Desta vez, a dupla lança a coletânea “Perfil”, composta por 12 sucessos da dupla e mais duas inéditas. São elas: “Como eu amei”, de Victor; e “Caminhos diferentes”, de Leo em parceria com Paulinha Gonçalves.

O título desta última, aliás, reflete um pouco a diferença musical entre as faixas novatas. Embora ambas venham com letras românticas, a primeira tem uma levada mais melódica e, a segunda, uma junção entre o pop e o eletrônico.

Em entrevista ao iG, a dupla contou como foi feita a seleção das faixas que compõem álbuns anteriores, em meio a tantos sucessos dos irmãos. “Foi feita por nós todos: gravadora, escritório, eu e o Victor. É nosso segundo ano na Som Livre e eles queriam ter uma coletânea com nossos sucessos, formando um catálogo. Aproveitamos a oportunidade. E houve um pedido de duas inéditas, para agregar valor ao produto. São canções que trazem inovação e ousadia, que é uma característica forte nossa”, explicou Leo.

Questionado sobre o motivo de não ter escolhido o tão usado atualmente formato de EP para lançar as inéditas, Leo disse que pode adotar a ideia em breve. Mas, desta vez, a explicação era por já ter o projeto “Perfil” engatado. “Já seria lançado. Na última hora surgiu essa ideia de colocar duas inéditas, o que a gente achou ótimo, para ter um atrativo a mais para o disco”, contou Victor.

As duas faixas têm espaço garantido no próximo DVD da dupla, que será gravado em breve. Apesar dos poucos detalhes sobre este trabalho, Leo adiantou que o álbum vai priorizar faixas inéditas. “Acredito eu, que seja 60% de música inédita. Além disso, trará algumas canções do ‘Viva por Mim’ na versão ao vivo e algumas regravações da música popular brasileira no geral”, afirmou o cantor.

Já sobre formato, data e outros detalhes, a dupla prefere manter em segredo. Para a nova produção, só há uma certeza a ser dita: “Será em um formato que a gente não fez ainda. Não concluímos ainda. Só não queremos fazer num formato ao vivo, aberto, coisa desse tipo. Não significa que vamos fazer um acústico, pois estamos estudando todas as possibilidades até esgotar. De lugar, de tempo e tudo mais. Pra gente divulgar, precisa estar com a ideia certa. Por enquanto é fazer algo que não fizemos e que tenha mais inéditas do que conhecidas”, resumiu Victor.

Fonte: Sertanejo.IG

sombra

Promoções
sombra

Artista em Destaque

98
9

Amigos da Super