Notícias
  20/12/2021 às 11h25

No Ritmo do Coração


0
0
No Ritmo do Coração

Existem filmes que parecem terem sido realizados com a intenção de nos fazer emocionar do começo ao final! Normalmente, tais obras carregam consigo histórias de superação, algumas baseadas em fatos e com atuações que extrapolam o corriqueiro, indo direto para as grandes premiações. Contudo, há aquelas obras que nos pegam pela sua simplicidade, dinamismo e acima de tudo, por todos os sentimentos que conseguem transmitir desde o primeiro diálogo! E neste caso, desde o primeiro sinal!

Desta forma, 'No Ritmo do Coração', disponível na Apple Tv+, aborda o cotidiano de pessoas surdas em uma família onde a filha mais nova é a única ouvinte. Assim, ao adentrarmos o contexto de quem não tem o som ao redor como um guia e de quem vê na música a oportunidade de mudar de vida, tal dualidade cria em tela uma catarse emotiva capaz de conquistar a todos que estão assistindo. Comprovando então que este é um dos melhores filmes de 2021 com absoluta certeza!

Ruby é a única pessoa que ouve em sua família. Seu pai, sua mãe e seu irmão mais velho são surdos e por isso, a adolescente muitas vezes é a intérprete deles para o mundo em volta. E quando os negócios de pesca de sua casa não vão bem, a jovem se vê em um caminho repleto de decisões, pois uma oportunidade de estudar música surge, ao mesmo tempo que os pais decidem investir por conta própria em seu trabalho, porém precisando ainda mais da presença de Ruby. Agora, ela deverá decidir se segue seu sonho através do canto ou fica em sua cidade por conta da família!

Sian Heder comanda a produção que é um remake do filme francês de 2014 "La Famille Bélier". O interessante é que a ideia para uma nova versão partiu diretamente da produtora francesa e assim o novo projeto pode acontecer. E diferente do original em certos aspectos e trabalhando melhor certas propostas, temos uma direção que muito simples, mas nada simplória na construção da história, surpreende nos levando cativos diante da tela!

A diretora sabe como e o que contar através da vida dos personagens. Por isso logo de cara começa nos mostrando a paixão da protagonista com a música, o seu dia a dia ajudando os pais no trabalho e os dilemas que precisa enfrentar como a única ouvinte da família. Para isso, o comando escolhe acompanhar as feições de sua personagem principal, dando foco na reação dos demais personagens e das pessoas que estão no entorno.

Desta forma, a direção sabe como colocar o público imerso a cada novo rumo de sua narrativa. Dando tons de emoção que vão escalando até culminar em uma das sequências mais emocionantes do cinema dos últimos anos. Quando Ruby canta para o seu pai e ele para entender o que a filha está proferindo, coloca as mãos em seu pescoço para sentir a vibração de suas cordas vocais, o que certamente arrancará lágrimas do espectador por conta da jornada construída até aquele momento.

+ Siga a rádio FM Super também pelo Facebook, Instagram e YouTube.

E engana-se quem pensa que este é apenas um filme sobre uma adolescente que precisa encontrar seu caminho diante das adversidades da vida. O que temos é um exemplar de drama, com toques de comédia que se torna um verdadeiro "hino" sobre o quanto a nossa sociedade precisa aprender com quem faz parte dela, sendo então Ruby quem sofre os ataques discriminatórios por sua família, ao mesmo tempo que sua defesa não pode continuar para sempre pois seus anseios também devem ser preenchidos. O que torna a interpretação de Emilia Jones marcante e envolvente!

Ruby é uma "CODA" (Child of Deaf Adult), filha ouvinte de pais surdos, e desde muito pequena, a adolescente teve que lidar com dois mundos completamente opostos, mas dentro do mesmo contexto. Daqueles que ouvem tudo e daqueles que nada escutam. Isso faz com que as diferenças se tornem em diversas vezes razões para o preconceito de muitos, sem contar as situações constrangedoras que Ruby aprendeu a lidar também. E isso é apenas parte de sua jornada.

O grande ponto do texto de 'No Ritmo do Coração' está nas decisões que a protagonista precisa tomar, já que descobriu um talento sem igual para o canto. Porém, como explicar aos pais que não escutam o quão importante é a música em sua vida?

Logo, o roteiro do longa vai colocando situações em que o som se torna um instrumento importante para as descobertas de Ruby, ao mesmo tempo que sua ausência, realizada em sequências assertivas, demonstram as percepções dos pais em um mundo que não está preparado para eles!

A partir disso, os sentimentos entram em confronto, atrelados ao desejo de liberdade, aceitação e amor demonstrados. E quando Ruby canta, por mais que seus pais não possam ouvi-la, faz com que a música vibre através das emoções das pessoas em sua volta, fazendo com que o entendimento supere toda e qualquer limitação física.

Ou seja, temos uma obra com diversos momentos em que talvez uma caixa de lenços é pouco!

'No Ritmo do Coração' é uma obra arrebatadora, emocionante e representativa! Ao apresentar uma jornada de descoberta, a produção aborda os aspectos relacionados as pessoas surdas e o quanto a sociedade ainda precisa evoluir nas formas de inclusão. De igual modo, Ruby se torna a figura que abraça os dois contextos, do som sempre ao redor, e daquele que nada ouve, para mostrar a capacidade da música transcender qualquer aspecto.

Assim, não há como não se emocionar com os momentos em que a jovem canta ou que sua família começa a entender o quão importante tudo isso é em sua vida, mas se podemos exemplificar em uma cena, lembramos de Ruby traduzindo em sinais a canção que canta para os pais que a acompanham no auditório. Como se o que apenas importasse era torná-los parte de tudo aquilo! E quando percebemos, fazemos parte também, com lágrimas e sorrisos para uma história tão cativante!
 

'No Ritmo do Coração' está disponível na Apple TV+

Will Weber
Geek Guia

Tags
sombra

Promoções
sombra

Artista em Destaque

171
18

Amigos da Super