Notícias
  08/03/2021 às 11h09

Moxi – Quando as Garotas Vão à Luta


7
0
Moxi – Quando as Garotas Vão à Luta

Cada vez mais projetos para o público jovem têm abordado questões relevantes da sociedade. Racismo, homofobia, machismo, tem se tornado pautas presentes em diferentes produções da sétima arte. Algumas mais incisivas, outras traçam uma linha mais introspectiva e próxima, e existem àquelas que utilizam do didatismo para explicar aquilo que muitos ainda não entenderam, ou se recusam a compreender! 

Por isso, Moxie que chegou na Netflix, nos mostra uma história onde nos elementos mais simples, as situações podem acontecem diariamente, em diferentes escalas, jeitos e discursos. E através de uma narrativa que flerta com as comédias adolescentes dos anos oitenta, apresenta criatividade e personalidade ao abraçar uma luta que precisa ser ensinada para todos! Sem contar a direção e tom cômico de Amy Poehler! 

Vivian é uma adolescente do ensino médio comum que planeja passar despercebida até que possa ir pra faculdade. Porém, com a chegada de uma aluna nova, a adolescente passa a enxergar tudo à sua volta de um jeito diferente, percebendo o machismo inerente em vários espaços da escola. E ao vasculhar as coisas de sua mãe, acaba se inspirando e criando a 'Moxie', uma revista que traz as verdades de como as meninas são tratadas no local, dando voz à luta feminista por direitos. Assim, o ensino médio acaba de ganhar uma nova revolução!

Amy Poehler comanda a produção baseada no livro de Jennifer Mathieu. E podemos dizer que o trabalho de Amy aqui evoca tudo aquilo que encontramos nas boas histórias contadas na década de oitenta e que se tornaram clássicos das comédias adolescentes. Neste caso, acrescentamos um discurso atual, pautado não apenas no choque da geração atual com os adultos, mas na forma como enxergam o mundo à sua volta.

Para isso, a diretora cria sequências de diálogos inteligentes, porém que não perdem a espontaneidade dos personagens que entre as poucas produções do gênero, possuem atores que realmente aparentam a idade que dizem ter no texto! Logo, as situações do dia a dia, ganham aspectos caricatos e exagerados, mas que fazem todo sentido dentro do "universo" do ensino médio apresentando, dando espaço para que o humor ganhe forma e seja inserido nos momentos adequados, não roubando espaço quando a narrativa precisa trazer pontos com maior seriedade.

Tais momentos são evidentes graças a atuação da jovem Hadley Robinson que através de sua Vivian apresenta na protagonista traços de uma ativista em desenvolvimento. Aos poucos, sua interação com as demais garotas da escola vai gerando ainda mais camadas na sua personalidade, dando a ela sequências de diálogo ao lado de Amy Poehler, sua mãe na história, que certamente nos farão pensar e observar o que está à nossa volta!
O texto de 'Moxie' para alguns certamente vai soar didático demais e com recursos usados de maneira facilitada para as situações vividas pela protagonista e a criação de seu grupo. Mas nada melhor que uma boa dose de didatismo para explicar pontos inerentes na sociedade que algumas pessoas ainda não querem entender. Mesmo usando toda a didática existente para isso.

A construção de Vivan como uma líder não acontece de maneira tradicional, com as convencionalidades esperadas e até mesmo, não podemos dizer que ela seja. A personagem funciona como um impulso para tudo o que vai movimentar a história. Desde as conversas ignoradas pela diretora, a disputa por uma bolsa de estudos e até mesmo o fato do uso de uma blusa regata! 

+ Siga a rádio FM Super também pelo Facebook, Instagram e YouTube.

Essas situações tornam a narrativa próxima da realidade e os questionamentos assim ganham forma: Por que as meninas sempre são questionadas sobre suas roupas em ambientes? Por que ainda são estudados, em sua maioria, autores homens e brancos nas escolas? Por que uma jovem quando expressa sua opinião é tratada de "alterada" ou "louca"? 

Logo os momentos para tais pontos são assertivos, conseguem encaixar a comédia e ainda revelam que não se pode fechar os olhos diante de uma sociedade pautada no machismo! 

'Moxie: Quando as Garotas Vão à Luta' é uma divertida, dinâmica e competente produção sobre questões que precisam ser faladas dentro e fora do ambiente escolar. A obra coloca em pauta o assédio, a discriminação e a violência sofrida por mulheres todos os dias, e o quanto o levante de suas vozes é extremamente importante para que estruturas erguidas, em sua maioria por homens, possam ser abaladas. E isso pode partir da sala de aula sem nenhum problema!

Amy Poehler se destaca em usar elementos conhecidos das comédias adolescentes, mas colocando sua personalidade e criatividade para cada situação do roteiro, dando fluidez e didatismo necessário para que a mensagem seja transmitida de maneira clara. Tornando esta uma obra que já beira um clássico de uma nova geração. Assim como "Meninas Malvadas" foi alguns anos atrás! 

Esta é uma daquelas produções para ser usada como discussão em diferentes locais, que vão do ambiente escola à sala de casa! Pois mensagem de Moxie precisa ser ouvida! 

'Moxie: Quando as Garotas Vão à Luta' está disponível na Netflix! 

Will Weber
Geek Guia

Tags
sombra

Promoções
sombra

Artista em Destaque

96
12

Amigos da Super