Notícias
  09/05/2022 às 10h30

Doutor Estranho no Multiverso da Loucura


4
0
Doutor Estranho no Multiverso da Loucura

Há mais de dez anos a Marvel vem construindo o seu Universo Cinematográfico através de uma fórmula onde as produções se conectam e vão trazendo respostas ao longo de cada lançamento. Porém essa tarefa se tornou quase impossível para quem está começando a assistir tudo o que foi feito, pois chegamos ao ponto onde séries, filmes, series derivadas, especiais, precisam ser vistos justamente para entender todo o contexto apresentando e mesmo assim, a Marvel parece traçar um caminho duvidoso nas suas escolhas narrativas, sendo uma delas não entregar o que é esperado, confundindo o espectador com um mero "presentinho", justamente para deixar de lado suas incoerências!

Desta forma, 'Doutor Estranho no Multiverso da Loucura' chega aos cinemas sendo mais um capítulo deste "Esquema de Pirâmide" cinematográfico da Marvel, que apesar da ótimas atuações de Benedict Cumberbatch e Elizabeth Olsen, e direção competente, repleta de personalidade, de Sam Raimi, não consegue esconder a falta de coesão, as falhas narrativas e o fan service desenfreado para entregar uma produção que até nos causa emoções elevadas, mas quando a "poeira do Hype" abaixa, você percebe que não foi a lugar algum e nada foi realmente mostrado! Um belo truque de mágica do estúdio que tem o maior mago do multiverso!

+ Siga a rádio FM Super também pelo Facebook, Instagram e YouTube.

Doutor Estranho segue sua jornada como mestre das artes místicas e após salvar uma jovem de uma criatura demoníaca, ele descobre que a mesma está sendo perseguida através do Multiverso. Logo, ele precisará de mais aliados nessa batalha, por isso, vai até Wanda, a Feiticeira Escarlate, para pedir ajuda antes que America, a menina capaz de viajar entre os universos, tenha seus poderes roubados e usados para trazer o caos à todas as realidades!

Sam Raimi comanda produção e é a sua segunda incursão ao universo Marvel, já que o diretor é responsável pela primeira (E ótima) trilogia do Homem-Aranha, além de ser um dos nomes mais importantes quando o quesito é gênero de terror!

E Raimi realiza mais do que esperado, ou que estúdio merecia aqui!

Há toda uma construção repleta de personalidade e com a assinatura do diretor. A atmosfera de terror se faz presente, e expande ainda mais as possibilidades para sequências de ação e suspense. Ele utiliza isso ao seu favor para das as sequências de ação o risco que se espera, por isso explode, queima, corta ao meio e faz sangue jorrar! Sem medo algum deste ser um filme "Marvel"! Junte isso às referências bem executadas de suas próprias obras, principalmente "Evil Dead"!

Para isso, a câmera se torna um personagem tão importante quanto os heróis em tela, e faz as passagens, transições que conhecemos de Sam Raimi, assumindo pontos de vista que realmente causam um certo temor, dando as figuras em destaque a oportunidade para serem mais do que já vimos!

Logo, temos uma Feiticeira Escarlate que parece oriunda muitas vezes dos filmes de terror japonês, com uma movimentação "zumbificada" e ameaçadora, ao mesmo tempo que um dos instantes mais interessantes do Doutor Estranho em ação, se dá em uma batalha com "notas musicais mágicas"! Aliás, Benedict Cumberbatch e Elizabeth Olsen estão ótimos em tela. Tanto o mestre das artes místicas, quanto a feiticeira da magia do caos, conseguem permear os caminhos da empatia, raiva e torcida do público!

Desta forma, Sam Raimi faz sua Jornada Alucinante pela Marvel, demonstrando as possibilidades criativas, com personalidade e diferentes que podem acontecer sem a necessidade de ficar citando fórmulas. Entretanto, essa mesma "fórmula" obrigatoriamente precisa acontecer!

Apesar do exímio trabalho de Sam Raimi fica nítido que o diretor foi podado em diferentes momentos e até mesmo na forma como essa história é contada! E quando a "poeira do hype" abaixa quando você está em casa, depois de chegar do cinema, começa a perceber que em vários momentos a Marvel fez um grande truque de mágica em tela, não para ajudar o Doutor Estranho, mas enganando o seu público com saídas narrativas rápidas, incoerentes e que não levam para lugar algum!

É incrível ver Wanda usando todos os seus poderes e descobrindo mais sobre o Darkhold! É sensacional ver o Doutor Estranho transitando pelos universos e seu encontro com os Iluminati (Que rende ótimas surpresas). É cativante ser guiado por America Chavez (Xochitl Gomez é puro carisma) e as possibilidades futuras para a personagem. Só que ao final de tudo, ninguém realmente sofreu uma mudança considerável ou obteve as respostas que queria!

De igual modo o público! E isso nos leva a um roteiro que apenas faz parte deste grande esquema da Marvel de nos manter "presos" a uma história que até este ponto não parece assumir nenhuma forma. Quando começamos a entender o Multiverso, o texto de "Doutor Estranho 2" quer dar um desfecho com ares de "coito interrompido"! Quando vemos a Feiticeira Escarlate em seu auge, a narrativa trata de reduzir e ir pelo caminho óbvio, e problemático, com a personagem.

E no fim das contas o fan service tenta até mesmo se sobressair à excelente construção técnica de Sam Raimi. Ou seja, a Marvel não parece interessada em contar boas histórias, e sim, vender produtos!

'Doutor Estranho no Multiverso da Loucura' é uma viagem alucinante do universo Marvel apesar de ser mais um capítulo deste "Esquema de Pirâmide" cinematográfico. E mesmo com ótimas atuações de Benedict Cumberbatch e Elizabeth Olsen, e direção competente, repleta de personalidade, de Sam Raimi,  a produção não consegue esconder a falta de coesão, as falhas narrativas e o fan service desenfreado para entregar uma produção que até nos causa emoções elevadas, mas quando a "poeira do Hype" abaixa, você percebe que não foi a lugar algum e nada foi realmente mostrado!

Um belo truque de mágica do estúdio que tem o maior mago do multiverso, mas que está mais preocupada em comercializar seus personagens do que realmente apresentar uma história com começo, meio e fim! Pois é incrível termos fases e obras conectadas, só que chega um momento que cansa!

'Doutor Estranho no Multiverso da Loucura' está nos cinemas!

P.S: O filme possui 2 cenas pós-créditos! 

Will Weber
Geek Guia

Tags
sombra

Promoções
sombra

Artista em Destaque

185
24

Amigos da Super