Notícias
  11/07/2018 às 9h01

Resgatados em caverna na Tailândia estão com boa saúde, dizem médicos


1
0
Resgatados em caverna na Tailândia estão com boa saúde, dizem médicos

Os 12 meninos e seu treinador de futebol que foram resgatados de uma caverna parcialmente inundada perderam cerca de 2 quilos cada um, durante os 17 dias presos no labirinto subterrâneo. No entanto, os médicos afirmam que, em geral, estão em boa condição de saúde, sem apresentar sinais de estresse. Os pais dos dois primeiros grupos que deram entrada no hospital puderam visitá-los nos quartos, mas precisaram usar roupas de proteção e permanecer pelo menos a dois metros de distância.

+ Siga a rádio FM Super também pelo facebook.com/radiofmsuper e pelo Instagram.

A Tailândia respirou em alívio e com gratidão após o último grupo do time de futebol amador Javalis Selvagens ser retirado da caverna de Tham Luang, no Norte do país, perto da fronteira de Mianmar. Os últimos quatro meninos e o treinador saíram da caverna na noite de terça-feira, encerrando uma missão intensa que atraiu atenção mundial.

Todos os 13 foram levados por helicóptero a um hospital a cerca de 70 quilômetros do local. O time é mantido em quarentena até então, para evitar o risco de infecções. Os médicos disseram que eles se cuidaram muito bem dentro da caverna.

— Na nossa avaliação, eles estão em boa condição e sem estresse. As crianças foram bem cuidadas dentro da caverna. A maioria dos meninos perdeu 2 quilos em média — disse Thongchai Lertwilairattanapong, inspetor do Ministério da Saúde da Tailândia, à imprensa.

PRECAUÇÃO NO ENCONTRO ENTRE PAIS E FILHOS

A quarentena deve durar sete dias para cada um deles, sob monitoramento constante dos médicos. De acordo com funcionário, os quatro primeiros que chegaram ao hospital na noite de domingo já estão se alimentando normalmente, sem nenhum sinal de febre. Dois deles, que têm entre 14 e 16 anos, tinham indícios de pneumonia, mas estão se recuperando bem. Todos conseguem se locomover por conta própria.

Já o segundo grupo, de 12 a 14 anos, chegou à unidade hospitalar na segunda-feira, após a segunda fase da missão de resgate. Todos estão em boa condição, sem nenhuma infecção, mas receberam medicamentos para evitar possíveis doenças.

O terceiro grupo, o último a deixar a caverna na terça-feira, que conta com mais quatro meninos e o treinador de 25 anos, apresentou sinais vitais normais. Eles receberam tratamento intravenoso, vacinas, antibióticos e vitaminas para se recuperar.

Fonte: Gazeta Online

Tags

Compartilhe:
sombra

Promoções
sombra

Artista em Destaque

89
7

Amigos da Super